Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2017

Pedido de Oração: Santo Inácio de Loyola - 31 de julho

Tomai, Senhor, e recebei toda a minha liberdade, a minha memória também. O meu entendimento e toda a minha vontade tudo o que tenho e possuo, vós me destes com amor. Todos os dons que me destes, com gratidão vos devolvo, disponde deles Senhor, segundo a vossa vontade. Dai-me somente, o vosso amor, vossa graça isto me basta, nada mais quero pedir.

"Não existem crianças ou adolescentes maus, mas pessoas infelizes" - Papa Francisco

Todos somos amados, sem requisitos
“Ninguém pode viver sem amor e não devemos crer que o amor deva ser merecido, que se não formos belos, atraentes e fortes, ninguém pensará em nós”.
“Os narcisismos do homem nascem de sua solidão; é possível que ninguém esteja disposto a querer bem gratuitamente a outra pessoa?”, questionou o Papa. “Não seria um mundo, mas um inferno”, advertiu.

Liturgia Diária Comentada 31/07/2017 17ª segunda-feira do Tempo Comum

Memória: SANTO INÁCIO DE LOYOLA - Presbítero
Oração do Dia: Ó Deus, que suscitastes em vossa Igreja Santo Inácio de Loiola para propagar a maior glória do vosso nome, fazei que, auxiliados por ele, imitemos seu combate na terra, para partilharmos no céu sua vitória. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém!

Transborda minha alegria em toda tribulação - São João Crisóstomo

Paulo de novo fala sobre a caridade, refreando a dureza da advertência. Depois de tê-los censurado e repreendido porque, amados, não haviam correspondido ao seu amor, mas haviam-se separado de seu afeto para se ligar a homens perniciosos, de novo suaviza a acerba repreensão, dizendo: Acolhei-nos em vossos corações, como quem diz: “Amai-nos”. Não é pesada a graça que pede, e é de maior vantagem para quem dá do que para quem recebe. Não disse “Amai”, mas algo que transpira compaixão: Acolhei-nos em vossos corações.

Oração do Dia: Cantemos todos este dia

Vinde, ó Deus em meu auxílio. Socorrei-me sem demora. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Aleluia.
Cantemos todos este dia, no qual o mundo começou, no qual o Cristo ressurgido da morte eterna nos salvou.
Já o profeta aconselhava buscar de noite o Deus da luz. Deixando pois o nosso sono, vimos em busca de Jesus.

Liturgia Diária Comentada 30/07/2017 17º domingo do Tempo Comum

Primeira Leitura: Primeiro Livro dos Reis 3,5.7-12
Naqueles dias, em Gabaon, o Senhor apareceu a Salomão, em sonho, e lhe disse: “Pede o que desejas, e eu te darei”. E Salomão disse: “Senhor meu Deus, tu fizeste reinar o teu servo em lugar de Davi, meu pai. Mas eu não passo de um adolescente, que não sabe ainda como governar. Além disso, teu servo está no meio do teu povo eleito, povo tão numeroso que não se pode contar ou calcular. Dá, pois, ao teu servo, um coração compreensivo, capaz de governar o teu povo e de discernir entre o bem e o mal. Do contrário, quem poderá governar este teu povo tão numeroso?” Esta oração de Salomão agradou ao Senhor. E Deus disse a Salomão: “Já que pediste esses dons e não pediste para ti longos anos de vida, nem riquezas, nem a morte de teus inimigos, mas sim sabedoria para praticar a justiça, vou satisfazer o teu pedido; dou-te um coração sábio e inteligente, como nunca houve outro igual antes de ti, nem haverá depois de ti”. - Palavra do Senhor.

Semana Nacional da Família: “Família, uma luz para a vida em sociedade”

Semana da Família: “tempo de olhar para o grande dom de Deus”, afirma dom Bosco.
De 13 a 19 de agosto, a Igreja no Brasil celebra a Semana Nacional da Família, que este ano tem como tema “Família, uma luz para a vida em sociedade”. De acordo com o bispo de Osasco e presidente da Comissão para a Vida e a Família, dom João Bosco Barbosa de Sousa, este será um momento de “olhar para esse dom de Deus que é a família”. 
A intenção é que a Semana Nacional da Família seja um momento de aprofundar as grandes questões que envolvem a família no mundo de hoje. Dom João Bosco ressalta que a preparação e a celebração da Semana Nacional da Família vão além do âmbito dos grupos paroquiais que se dedicam à família: “O papa Francisco pediu para que todas as comunidades se envolvessem com a família, fizessem dela o centro da ação evangelizadora, então o melhor jeito da gente se preparar é aproximando os nossos grupos, as nossas pastorais, os nossos sacerdotes, diáconos, todos os agentes da Igreja. Não …

Pedido de Oração a Santa Marta Betânia

Santa Marta de Betânia, hospedeira do Senhor, hoje o Povo da Aliança canta um hino em teu louvor. Tua casa foi o abrigo onde o Mestre repousou. No calor de um lar amigo, ele as forças renovou. Pão e vinho lhe serviste, quando tua irmã, Maria, vida eterna em alimento dos seus lábios recebia.

Felizes os que mereceram receber a Cristo em sua casa - Santo Agostinho

As palavras de nosso Senhor Jesus Cristo nos advertem que, em meio à multiplicidade das ocupações deste mundo, devemos aspirar a um único fim. Aspiramos porque estamos a caminho e não em morada permanente; ainda em viagem e não na pátria definitiva; ainda no tempo do desejo e não na posse plena. Mas devemos aspirar, sem preguiça e sem desânimo, a fim de podermos um dia chegar ao fim.
Marta e Maria eram irmãs, não apenas irmãs de sangue, mas também pelos sentimentos religiosos. Ambas estavam unidas ao Senhor; ambas, em perfeita harmonia, serviam ao Senhor corporalmente presente. Marta o recebeu como costumam ser recebidos os peregrinos. No entanto, era a serva que recebia o seu Senhor; uma doente que acolhia o Salvador; uma criatura que hospedava o Criador. Recebeu o Senhor para lhe dar o alimento corporal, ela que precisava do alimento espiritual. O Senhor quis tomar a forma de servo e, nesta condição, ser alimentado pelos servos, por condescendência, não por necessidade. Também foi p…

Liturgia Diária Comentada 29/07/2017 16ª sábado do Tempo Comum

Memória: SANTA MARTA
Primeira Leitura: Primeira Carta de São João 4,7-16
Caríssimos, amemo-nos uns aos outros, porque o amor vem de Deus e todo aquele que ama nasceu de Deus e conhece Deus. Quem não ama, não chegou a conhecer Deus, pois Deus é amor. Foi assim que o amor de Deus se manifestou entre nós: Deus enviou o seu Filho único ao mundo, para que tenhamos vida por meio dele. Nisto consiste o amor: não fomos nós que amamos a Deus, mas foi ele que nos amou e enviou o seu Filho como vítima de reparação pelos nossos pecados. Caríssimos, se Deus nos amou assim, nós também devemos amar-nos uns aos outros. Ninguém jamais viu a Deus. Se nos amamos uns aos outros, Deus permanece conosco e seu amor é plenamente realizado entre nós. A prova de que permanecemos com ele, e ele conosco, é que ele nos deu o seu Espírito. E nós vimos, e damos testemunho, que o Pai enviou o seu Filho como Salvador do mundo. Todo aquele que proclama que Jesus é o Filho de Deus, Deus permanece com ele, e ele com Deus…

Santa Missa: “Eis o mistério da Fé”

Essas palavras que o sacerdote pronuncia logo após a consagração do pão e do vinho, resumem toda a essência da santa Missa. Ela é a celebração do mistério da fé, o ápice de toda devoção cristã.
Quem não entendeu o sentido profundo da Missa ainda não compreendeu o sentido profundo do cristianismo e da salvação que Jesus veio trazer aos homens.
A maioria dos batizados não gosta de participar da Missa. Para uns ela é apenas uma longa cerimônia; para outros, um hábito sociológico, “um peso necessário”, uma obrigação de consciência ou apenas um exercício de piedade. Uns não gostam da Missa porque não gostam do padre que a celebra; outros, porque não gostam do sermão, ou porque a música não está boa, etc. E, assim, ficam apenas no acessório e se esquecem do Essencial.

Cristo morreu por todos - Santo Agostinho

Aquele que em tua secreta misericórdia revelaste aos humildes e lhes enviaste para que nos ensinas e a humildade, o verdadeiro mediador, esse mediador entre Deus e os homens, o homem Cristo Jesus, apareceu entre os pecadores mortais como justo mortal: mortal com os homens, justo com Deus. Sendo a recompensa da justiça a vida e a paz, pela justiça unida a Deus, ele destruiu a morte dos ímpios justificados, através dessa morte que desejou igual à deles. Quanto nos amaste, Pai bom, que não poupaste teu Filho único, mas por nós, ímpios, o entregaste! Como nos amaste, quando por nós ele não julgou rapina ser igual a ti, fez-se obediente até à morte da cruz, ele, o único livre entre os mortos, com poder de entregar sua vida e o poder de retomá-la! Tudo ele fez por nós, diante de ti vitorioso e vítima, vitorioso porque vítima. Por nós, diante de ti sacerdote e sacrifício, sacerdote porque sacrifício. Fazendo de nós, servos, filhos para ti, nascendo de ti, a nós servindo.

Oração do Dia: Criador do Universo

Criador do Universo do Pai luz e resplendor, revelai-nos vossa face e livrai-nos do pavor.

Pelo Espírito repletos, templos vivos do Senhor, não se rendam nossas almas aos ardis do tentador,
para que, durante a vida, nas ações de cada dia, pratiquemos vossa lei com amor e alegria.

Evangelho Comentado do Dia 28/07/2017 16ª sexta-feira do Tempo Comum

Primeira Leitura: Livro do Êxodo 20,1-17
Naqueles dias, Deus pronunciou todas estas palavras: “Eu sou o Senhor teu Deus que te tirou do Egito, da casa da escravidão. Não terás outros deuses além de mim. Não farás para ti imagem esculpida, nem figura alguma do que existe em cima, nos céus, ou embaixo, na terra, ou do que existe nas águas, debaixo da terra. Não te prostrarás diante destes deuses nem lhes prestarás culto, pois eu sou o Senhor teu Deus, um Deus ciumento. Castigo a culpa dos pais nos filhos até a terceira e quarta geração dos que me odeiam, mas uso da misericórdia por mil gerações com aqueles que me amam e guardam os meus mandamentos. Não pronunciarás o nome do Senhor teu Deus em vão, porque o Senhor não deixará sem castigo quem pronunciar seu nome em vão.

Manso e Humilde - Igreja Católica

Cansados ou não, coloquemos a nossa esperança em Jesus. Aprendamos com Ele a sermos mansos e humildes de coração.
Na passagem do Evangelho em Mateus 11,28-30, Jesus nos mostra uma realidade a qual temos vivido em nossas preocupações. Aqui neste tempo de provações temos demonstrado as nossas insatisfações em relação ao que temos como cruz pesada. Cada um de nós sabemos o que nos custa a falta  da paz que esta vida nos dá se aqui estamos como fim único.

Confiar na ação de Deus que fecunda a história - Papa Francisco

“Confiar na ação de Deus que fecunda a história”, pois somente Ele pode separar o bem do mal e extirpá-lo, e o fará no juízo final. A nós cristãos, cabe o discernimento entre o bem e o mal, conjugando decisão e paciência. Neste sentido, devemos evitar julgar quem está ou não no Reino de Deus, pois todos somos pecadores.
No Angelus deste XVI Domingo do Tempo Comum, o Papa dirigiu sua reflexão aos milhares de fieis presentes na Praça São Pedro, inspirado na Parábola do joio e do trigo, “que ilustra o problema do mal no mundo e destaca a paciência de Deus”. Quanta paciência Deus tem conosco!, exclamou Francisco.

A luz de tua face foi marcada sobre nós - Santo Ambrósio

Por que voltas o rosto? Julgamos que Deus vira o rosto, quando estamos em qualquer aflição, de modo que as trevas se espalham sobre nossos afetos e, assim impedidos, não conseguimos encher os olhos com o fulgor da verdade. De fato, se Deus olhar para nosso espírito e se dignar visitar nossa mente, podemos estar certos de que coisa alguma nos envolverá de escuridão. Na verdade, se o rosto do homem brilha mais do que todas as partes do corpo e, fitando-o, ficamos conhecendo alguém antes desconhecido ou reconhecemos o já conhecido, que não se furta a nosso olhar, quanto mais o rosto de Deus iluminará a quem olha!

Oração do Dia: Para vós, doador do perdão

Vinde, ó Deus em meu auxílio. Socorrei-me sem demora. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Aleluia.
Para vós, doador do perdão, elevai os afetos do amor, tornai puro o profundo das almas, sede o nosso fiel Salvador.
Para cá, estrangeiros, viemos, exilados da pátria querida. Sois o porto e também sois o barco, conduzi-nos aos átrios da vida!

Evangelho Comentado do Dia 27/07/2017 16ª quinta-feira do Tempo Comum

Primeira Leitura: Livro do Êxodo 19,1-2.9-11.16-20b
No dia em que se cumpriam três meses da saída do Egito, Israel chegou ao deserto do Sinai. Partindo de Rafidin, chegaram ao deserto do Sinai, onde acamparam. Israel armou ali suas tendas, defronte da montanha. E o Senhor falou a Moisés: “Virei a ti numa nuvem escura, para que o povo ouça quando falar contigo, e creia sempre em ti”. Tendo Moisés transmitido ao Senhor as palavras do povo, o Senhor lhe disse: “Vai ao povo e santifica-os hoje e amanhã. Eles devem lavar as suas vestes, e estar prontos para o terceiro dia, pois nesse dia o Senhor descerá diante de todo o povo sobre a montanha do Sinai”.

São Joaquim e Sant’Ana - Pe. Brendan Coleman

No dia 26 deste mês de julho a Igreja Católica celebra a Festa de São Joaquim e Sant’Ana que a tradição identifica como pais de Nossa Senhora. Sobre os pais da Virgem Maria não temos na Bíblia dado algum. Contudo, existe um livro venerável do século ll do Cristianismo: o Protoevangelho de São Tiago, apócrifo, que nos oferece os dados de uma tradição. Nele narra o nascimento milagroso de Maria de pais estéreis. Era um casal justo e observante das leis judaicas. Apesar de suas idades avançadas continuavam rezando confiantes que Deus teria suscitado para eles uma descendência. Joaquim retirou-se ao deserto para rezar, onde permaneceu quarenta dias em jejum e oração. Um anjo adverte Joaquim no fim de seu jejum no deserto que sua oração fora ouvida, enquanto Ana o espera na Porta Dourada de Jerusalém. Vê-se que este relato está calcado sobre o texto da concepção de Samuel (l Sm l).

Superar o medo - Dom José Alberto Moura

Muitas vezes temos que assumir falhas e enfrentar dificuldades em várias circunstâncias da vida e por vários motivos. Isso nos traz sensação de insegurança. Ficamos perplexos e até não sabemos o que fazer. Há quem fuja de tomar decisão, compromisso ou responder a convites ou mesmo responsabilizar-se por atitudes ou falhas, partindo para válvulas de escape. Surgem daí atitudes irresponsáveis, não se assumindo obrigações de ofício ou responsabilidades devidas, como o pagamento de dívidas e outras vicissitudes.

Vós os conhecereis pelos seus frutos - São João Damasceno

Estava determinado que a Virgem Mãe de Deus iria nascer de Ana. Por isso, a natureza não ousou antecipar o germe da graça, mas permaneceu sem dar o próprio fruto até que a graça produzisse o seu. De fato, convinha que fosse primogênita aquela de quem nasceria o primogênito de toda a criação, no qual todas as coisas têm a sua consistência (cf. Cl 1,17).
Ó casal feliz, Joaquim e Ana! A vós toda a criação se sente devedora. Pois foi por vosso intermédio que a criatura ofereceu ao Criador o mais valioso de todos os dons, isto é, a mãe pura, a única que era digna do Criador.

Evangelho Comentado do Dia 26/07/2017 16ª quarta-feira do Tempo Comum

MEMÓRIA:São Joaquim e Santa Ana
Primeira Leitura: Livro do Eclesiástico 44,1.10-15
Vamos fazer o elogio dos homens famosos, nossos antepassados através das gerações. Estes, são homens de misericórdia; seus gestos de bondade não serão esquecidos. Eles permanecem com seus descendentes; seus próprios netos são sua melhor herança. A descendência deles mantém-se fiel às alianças, e, graças a eles, também os seus filhos. Sua descendência permanece para sempre, e sua glória jamais se apagará. Seus corpos serão sepultados na paz e seu nome dura através das gerações. Os povos proclamarão a sua sabedoria, e a assembleia vai celebrar o seu louvor. - Palavra do Senhor.

Participantes da paixão de Cristo - São João Crisóstomo

Os filhos de Zebedeu pedem a Cristo: Deixa-nos sentar um à tua direita e outro, à tua esquerda (Mc 10,37). Que resposta lhes dá o Senhor? Para mostrar que no seu pedido nada havia de espiritual, e se soubessem o que pediam não teriam ousado fazê-lo, diz: Não sabeis o que estais pedindo (Mt 20,22), isto é, não sabeis como é grande, admirável e superior aos próprios poderes celestes aquilo que pedis. Depois acrescenta: Por acaso podeis beber o cálice que eu vou beber? (Mt 20,22). É como se lhes dissesse: “Vós me falais de honras e de coroas; eu, porém, de combates e de suores. Não é este o tempo das recompensas, nem é agora que minha glória há de se manifestar. Mas a vida presente é de morte violenta, de guerra e de perigos”.

Evangelho Comentado do Dia 25/07/2017 16ª terça-feira do Tempo Comum

FESTA: São Tiago Maior - Apostolo
Primeira Leitura: Segunda Carta de São Paulo aos Coríntios 4,7-15
Irmãos, trazemos esse tesouro em vasos de barro, para que todos reconheçam que este poder extraordinário vem de Deus e não de nós. Somos afligidos de todos os lados, mas não vencidos pela angústia; postos entre os maiores apuros, mas sem perder a esperança; perseguidos, mas não desamparados; derrubados, mas não aniquilados; por toda parte e sempre levamos em nós mesmos os sofrimentos mortais de Jesus, para que também a vida de Jesus seja manifestada em nossos corpos. De fato, nós, os vivos, somos continuamente entregues à morte, por causa de Jesus, para que também a vida de Jesus seja manifestada em nossa natureza mortal. Assim, a morte age em nós, enquanto a vida age em vós. Mas, sustentados pelo mesmo espírito de fé, conforme o que está escrito: “Eu creio e, por isso, falei”, nós também cremos e, por isso, falamos, certos de que aquele que ressuscitou o Senhor Jesus nos ressuscitará ta…

Evangelho Comentado do Dia 24/07/2017 16ª segunda-feira do Tempo Comum

Primeira Leitura: Livro do Êxodo 14,5-18
Naqueles dias, foi anunciado ao rei dos egípcios que o povo tinha fugido. Então, mudaram-se contra ele os sentimentos do faraó e dos seus servos, os quais disseram: "Que fizemos? Como deixamos Israel escapar, privando-nos assim dos seus serviços?" O faraó mandou atrelar o seu carro e levou consigo o seu povo. Tomou seiscentos carros escolhidos e todos os carros do Egito, com os respectivos escudeiros. O Senhor endureceu o coração do faraó, rei do Egito, que foi no encalço dos filhos de Israel, enquanto estes tinham saído de braço erguido. Os egípcios perseguiram os filhos de Israel com todos os cavalos e carros do faraó, seus cavaleiros e seu exército, e encontraram-nos acampados junto do mar, perto de Fiairot, defronte de Beel-Sefon.

Liturgia Diária Comentada 28/07/2017 16ª sexta-feira do Tempo Comum

Primeira Leitura: Livro do Êxodo 20,1-17
Naqueles dias, Deus pronunciou todas estas palavras: “Eu sou o Senhor teu Deus que te tirou do Egito, da casa da escravidão. Não terás outros deuses além de mim. Não farás para ti imagem esculpida, nem figura alguma do que existe em cima, nos céus, ou embaixo, na terra, ou do que existe nas águas, debaixo da terra. Não te prostrarás diante destes deuses nem lhes prestarás culto, pois eu sou o Senhor teu Deus, um Deus ciumento. Castigo a culpa dos pais nos filhos até a terceira e quarta geração dos que me odeiam, mas uso da misericórdia por mil gerações com aqueles que me amam e guardam os meus mandamentos. Não pronunciarás o nome do Senhor teu Deus em vão, porque o Senhor não deixará sem castigo quem pronunciar seu nome em vão.

Liturgia Diária Comentada 27/07/2017 16ª quinta-feira do Tempo Comum

Primeira Leitura: Livro do Êxodo 19,1-2.9-11.16-20b
No dia em que se cumpriam três meses da saída do Egito, Israel chegou ao deserto do Sinai. Partindo de Rafidin, chegaram ao deserto do Sinai, onde acamparam. Israel armou ali suas tendas, defronte da montanha. E o Senhor falou a Moisés: “Virei a ti numa nuvem escura, para que o povo ouça quando falar contigo, e creia sempre em ti”. Tendo Moisés transmitido ao Senhor as palavras do povo, o Senhor lhe disse: “Vai ao povo e santifica-os hoje e amanhã. Eles devem lavar as suas vestes, e estar prontos para o terceiro dia, pois nesse dia o Senhor descerá diante de todo o povo sobre a montanha do Sinai”.

Liturgia Diária Comentada 26/07/2017 16ª quarta-feira do Tempo Comum

MEMÓRIA:São Joaquim e Santa Ana
Primeira Leitura: Livro do Eclesiástico 44,1.10-15
Vamos fazer o elogio dos homens famosos, nossos antepassados através das gerações. Estes, são homens de misericórdia; seus gestos de bondade não serão esquecidos. Eles permanecem com seus descendentes; seus próprios netos são sua melhor herança. A descendência deles mantém-se fiel às alianças, e, graças a eles, também os seus filhos. Sua descendência permanece para sempre, e sua glória jamais se apagará. Seus corpos serão sepultados na paz e seu nome dura através das gerações. Os povos proclamarão a sua sabedoria, e a assembleia vai celebrar o seu louvor. - Palavra do Senhor.

Liturgia Diária Comentada 25/07/2017 16ª terça-feira do Tempo Comum

FESTA: São Tiago Maior - Apostolo
Primeira Leitura: Segunda Carta de São Paulo aos Coríntios 4,7-15
Irmãos, trazemos esse tesouro em vasos de barro, para que todos reconheçam que este poder extraordinário vem de Deus e não de nós. Somos afligidos de todos os lados, mas não vencidos pela angústia; postos entre os maiores apuros, mas sem perder a esperança; perseguidos, mas não desamparados; derrubados, mas não aniquilados; por toda parte e sempre levamos em nós mesmos os sofrimentos mortais de Jesus, para que também a vida de Jesus seja manifestada em nossos corpos. De fato, nós, os vivos, somos continuamente entregues à morte, por causa de Jesus, para que também a vida de Jesus seja manifestada em nossa natureza mortal. Assim, a morte age em nós, enquanto a vida age em vós. Mas, sustentados pelo mesmo espírito de fé, conforme o que está escrito: “Eu creio e, por isso, falei”, nós também cremos e, por isso, falamos, certos de que aquele que ressuscitou o Senhor Jesus nos ressuscitará ta…

Liturgia Diária Comentada 24/07/2017 16ª segunda-feira do Tempo Comum

Primeira Leitura: Livro do Êxodo 14,5-18
Naqueles dias, foi anunciado ao rei dos egípcios que o povo tinha fugido. Então, mudaram-se contra ele os sentimentos do faraó e dos seus servos, os quais disseram: "Que fizemos? Como deixamos Israel escapar, privando-nos assim dos seus serviços?" O faraó mandou atrelar o seu carro e levou consigo o seu povo. Tomou seiscentos carros escolhidos e todos os carros do Egito, com os respectivos escudeiros. O Senhor endureceu o coração do faraó, rei do Egito, que foi no encalço dos filhos de Israel, enquanto estes tinham saído de braço erguido. Os egípcios perseguiram os filhos de Israel com todos os cavalos e carros do faraó, seus cavaleiros e seu exército, e encontraram-nos acampados junto do mar, perto de Fiairot, defronte de Beel-Sefon.

A paciência - Reflexão 16º Domingo Comum “A” - São Mateus

A paciência

Uma tendência natural dos homens é a de dividir a humanidade em duas grandes categorias: os bons de um lado, os maus de outro. Esta tendência existe também no plano religioso. Invocamos bênçãos sobre nós mesmos, sobre nossa família, nossa nação; as maldições caiam sobre os outros, os inimigos, os que se opõem a nós.

Roteiro Homilético 16º Domingo do Tempo Comum Ano “A” Mateus

Introdução ao espírito da Celebração
Cansados pelo trabalho do dia a dia, aqui estamos junto do Senhor para, num diálogo amoroso, Lhe transmitirmos as nossas preocupações e escutarmos a Sua voz.
Os problemas podem ser muitos, as dificuldades podem parecer de difícil solução. Mas com o Espírito Santo que o Senhor nos envia, com a presença maternal de Nossa Senhora, encontraremos de novo a alegria de viver.

Oração da 16ª Semana do Tempo Comum da Igreja Católica

Oração da 16ª Semana do Tempo Comum da Igreja Católica
Ó Deus, sede generoso para com vossos filhos e filhas e multiplicai em nós os dons da vossa graça, para que, repletos de fé, esperança e caridade, guardemos fielmente os vossos mandamentos. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém!
DEIXE SEU PEDIDO DE ORAÇÃO https://ocristaocatolico.blogspot.com.br/2016/07/pedido-de-oracao-igreja-catolica.html
Fique com Deus e sob a proteção da Sagrada Família Ricardo Feitosa e Marta Lúcia https://ocristaocatolico.blogspot.com.br/ -ocristaocatolico@gmail.com Crendo e ensinando o que crê e ensina a Santa Igreja Católica

Se desejar receber nossas atualizações de uma forma rápida e segura, por favor, faça sua assinatura,é grátis. Acesse nossa pagina: https://ocristaocatolico.blogspot.com.br/ e cadastre seu e-mail para recebimento automático, obrigado.

Convém sermos cristãos não só de nome, mas de fato - Santo Inácio de Antioquia

Inácio, chamado também o Teóforo, à Igreja, santa pela graça de Deus Pai em Jesus Cristo, nosso salvador. Nele saúdo esta Igreja que está em Magnésia, junto ao Meandro, e desejo-lhe em Deus Pai e em Jesus Cristo plena salvação.
Tomando conhecimento de vossa religiosa caridade perfeitamente ordenada, decidi, na exultação da fé de Jesus Cristo, vir falar convosco. Ornado com o nome mais glorioso nas cadeias que carrego, louvo as Igrejas. A elas desejo a união com a carne e o espírito de Jesus Cristo, nossa Vida sem fim, e a união na fé e na caridade. Nada há de preferível a isto, sobretudo a união com Jesus e o Pai; nele suportamos toda a violência do príncipe deste mundo, dele escapamos e, assim, alcançamos a Deus.

Oração do Dia - Eis que da noite já foge a sombra

Vinde, ó Deus em meu auxílio. Socorrei-me sem demora. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Aleluia.
Eis que da noite já foge a sombra e a luz da aurora refulge, ardente. Nós, reunidos, a Deus oremos e invoquemos o Onipotente.

Eclesiástico 51 “Deus é o porto seguro” - Reflexão do Dia

Eclesiástico 51(10) Por toda parte me cercavam, e não havia quem me socorresse; eu olhava, procurando o amparo de alguém, mas ninguém aparecia. (11) Lembrei-me então da tua misericórdia, Senhor, e das tuas ações desde toda a eternidade. (12) Pois libertas aqueles que confiam em ti, Senhor, e os salvas da mão dos malvados.

Evangelho Comentado do Dia 23/07/2017 16ª Domingo do Tempo Comum

Primeira Leitura: Livro da Sabedoria 12,13.16-19
Não há, além de ti, outro Deus que cuide de todas as coisas e a quem devas mostrar que teu julgamento não foi injusto. A tua força é o princípio da tua justiça, e o teu domínio sobre todos te faz para com todos indulgente. Mostras a tua força a quem não crê na perfeição do teu poder; e, nos que te conhecem, castigas o seu atrevimento. No entanto, dominando tua própria força, julgas com clemência e nos governas com grande consideração; pois, quando quiseres, está ao teu alcance fazer uso do teu poder. Assim procedendo, ensinaste ao teu povo que o justo deve ser humano; e a teus filhos deste a confortadora esperança de que concedes o perdão aos pecadores. - Palavra do Senhor.
Comentário: As palavras de sabedoria da primeira leitura de hoje são permeadas de esperança para o povo judeu, que vivia em meio à cultura e dominação gregas, sobretudo na cidade de Alexandria, onde esse livro foi composto, entre os anos 50 e 60 antes da Era Comum (a.…

Papa Francisco: catequista não é profissão, mas vocação

Ser catequista não é uma profissão, mas uma vocação: é o que afirma o Papa Francisco na mensagem enviada aos participantes do Simpósio Internacional sobre Catequese.
No texto, o Pontífice cita um diálogo de São Francisco de Assis com um de seus seguidores, que queria aprender a pregar. O santo lhe diz: Quando visitamos os enfermos, ajudamos as crianças e damos de comer aos pobres já estamos pregando. “Nesta lição, está contida a vocação e a tarefa do catequista”, escreve o Papa.

Santa Maria Madalena - Pe. Brendan Coleman

No dia 22 de julho a Igreja Católica celebra a Festa de Santa Maria Madalena. Os Evangelhos, além da mãe de Jesus, falam explicitamente de três mulheres de nome Maria: Maria, mãe de Tiago e José (Mc 15,40): Maria, irmã de Lázaro e Marta; e Maria Madalena da qual foram expulsos sete demônios (Lc 10, 38). E finalmente se fala de mais uma mulher pecadora que ungiu os pés de Jesus (Lc 7, 44). A liturgia romana faz uma única comemoração destas três mulheres como se se tratasse de uma só, enquanto a liturgia oriental as festeja separadamente. Os dados históricos que possuímos sobre Santa Maria Madalena são os que nos oferece o Evangelho. (cf. O Santo do Dia, S. Conti, Vozes, 1990, p.315). O nome de Maria Madalena  a descreve como sendo natural de  Mágdala, uma cidade grande no tempo de Cristo localizada na costa ocidental do Mar da Galileia. Alguns exegetas identificam Maria Madalena com a pecadora pública, de que fala São Lucas (Lc 7.44). A identificação parece certa pelo fato de que a cen…

Que minha prece não seja vaidosa - Pe. Zezinho, scj

Já tive e vejo que ainda me assalta esta mania de achar que Te conheço e que sou mais religioso do que os outros. És Deus e sabes o que me vai na alma. Seria tolo se dissesse que sou mais religioso que os demais que oram na minha e nas outras igrejas. Não sou e não sei. Talvez saiba um pouco mais do que alguns, mas o que sei não me autoriza a dizer que oro direito.
Já sofri e de vez em quando ainda sofro da tentação de achar que me escolheste mais do que aos outros e que te conheço mais do que os outros te conhecem. Afinal, estudei mais do que eles!... Ledo engano! Há irmãos que estudaram pouco e oravam e oram melhor do que eu. Minha mãe e meu pai, por exemplo...

Que minha prece não seja vaidosa - Pe. Zezinho, scj

Já tive e vejo que ainda me assalta esta mania de achar que Te conheço e que sou mais religioso do que os outros. És Deus e sabes o que me vai na alma. Seria tolo se dissesse que sou mais religioso que os demais que oram na minha e nas outras igrejas. Não sou e não sei. Talvez saiba um pouco mais do que alguns, mas o que sei não me autoriza a dizer que oro direito.
Já sofri e de vez em quando ainda sofro da tentação de achar que me escolheste mais do que aos outros e que te conheço mais do que os outros te conhecem. Afinal, estudei mais do que eles!... Ledo engano! Há irmãos que estudaram pouco e oravam e oram melhor do que eu. Minha mãe e meu pai, por exemplo...

O verdadeiro amor não desiste - São Gregório Magno

Sentia o desejo ardente de encontrar a Cristo, que julgava ter sido roubado.
Maria Madalena, tendo ido ao sepulcro, não encontrou o corpo do Senhor. Julgando que fora roubado, foi avisar aos discípulos. Estes vieram também ao sepulcro, viram e acreditaram no que a mulher lhes dissera. Sobre eles está escrito logo em seguida: Os discípulos voltaram então para casa (Jo 20,10). E depois acrescenta-se: Entretanto, Maria estava do lado de fora do túmulo, chorando (Jo 20,11).

Oração do Dia: Ó estrela feliz de Mágdala

Vinde, ó Deus em meu auxílio. Socorrei-me sem demora. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Aleluia.
Ó estrela feliz de Mágdala, para ti nosso culto e louvor, Jesus Cristo te uniu a si mesmo por estreita aliança de amor.
Seu poder ele em ti revelou, repelindo as potências do mal. E na fé te ligaste ao Senhor pelos laços de amor sem igual.

Evangelho Comentado do Dia 22/07/2017 15ª sábado do Tempo Comum

Festa:Santa Maria Madalena - 22 de Julho
Primeira Leitura: Livro do Cântico dos Cânticos 3,1-4a
Eis o que diz a noiva: Em meu leito, durante a noite, busquei o amor de minha vida: procurei-o, e não o encontrei. Vou levantar-me e percorrer a cidade, procurando pelas ruas e praças, o amor de minha vida: procurei-o, e não o encontrei. Encontraram-me os guardas que faziam a ronda pela cidade. “Vistes porventura o amor de minha vida?” E logo que passei por eles, encontrei o amor de minha vida. - Palavra do Senhor.
Comentário: A noiva somos nós, o amor é Jesus, o autor sagrado nos convida a olharmos para fora de nós mesmos, pois muitas vezes nas noites escuras de nossa vida não conseguimos enxergar com clareza e acabamos por cruzar com Jesus sem nos darmos conta de Sua presença. O nosso encontro com Jesus não acontece por mérito nosso, mas por pura misericórdia de Deus, é preciso porém, que nos coloquemos a mercê deste Pai de amor. (Ricardo e Marta)

Corrupção, câncer que mata o homem e a sociedade - Papa Francisco

“A corrupção, na sua raiz etimológica, define uma dilaceração, uma ruptura, decomposição e desintegração. A corrupção revela uma conduta antissocial tão forte que dissolve as relações e os pilares sobre os quais se fundam uma sociedade: a coexistência entre as pessoas e a vocação a desenvolvê-la”, escreve o Papa.
Coração corrupto
Segundo o Pontífice, “a corrupção quebra tudo isso, substituindo o bem comum com o interesse pessoal que contamina toda perspectiva geral. Nasce de um coração corrupto. É a pior praga social, pois cria problemas graves e crimes que envolvem todas as pessoas”.

Salvos da tempestade no mar - Questão de Fé

Outra história do Escapulário que merece ser contada sucedeu em 1845. Pelo final do verão desse ano, o barco inglês “Rei do Oceano” viu-se de repente no meio de uma feroz tempestade. O vento e o mar açoitavam o navio sem piedade; e um pastor protestante com a mulher e os filhos, e outros passageiros, conseguiram chegar à coberta onde pediam a Deus misericórdia e perdão pelos seus pecados, pois a todos parecia que iam morrer.

Sobre a Eucaristia, aos neófitos - Santo Ambrósio

O povo purificado, enriquecido com estas vestes, adianta-se para o altar de Cristo, dizendo: E entrarei até o altar de Deus, do Deus que alegra a minha juventude. Despidas as vestimentas do antigo erro, renovada a juventude como a da águia, apressa-se em ir participar do celeste banquete. Chega, e, ao ver a ornamentação do santo altar, exclama: O Senhor é meu pastor, nada me falta; levou-me a boas pastagens. Conduziu-me às águas da quietude. E mais adiante: Mesmo que caminhe em meio às sombras da morte, não temerei mal algum, porque tu estás comigo. Teu cajado e teu bastão são meus arrimos. Preparaste diante de mim uma mesa contra aqueles que me perseguem. Ungiste com óleo minha cabeça e como é luminoso teu cálice embriagador!

Oração do Dia: Cristo, em nossos corações

Vinde, ó Deus em meu auxílio. Socorrei-me sem demora. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre. Amém. Aleluia.
Cristo, em nossos corações infundi a caridade. Nossos olhos chorem lágrimas de ternura e piedade.
Para vós, Jesus piedoso, nossa ardente prece erguemos. Perdoai-nos, compassivo, todo o mal que cometemos.

Evangelho Comentado do Dia 21/07/2017 15ª sexta-feira do Tempo Comum

Primeira Leitura: Livro do Êxodo 11,10-12,14
Naqueles dias, Moisés e Aarão realizaram muitos prodígios diante do Faraó; mas o Senhor endureceu o coração do Faraó, e ele não deixou que os filhos de Israel saíssem da sua terra. O Senhor disse a Moisés e a Aarão no Egito: “Este mês será para vós o começo dos meses; será o primeiro mês do ano. Falai a toda a Comunidade dos filhos de Israel, dizendo: ‘No décimo dia deste mês, cada um tome um cordeiro por família, um cordeiro por casa. Se a família não for bastante numerosa para comer um cordeiro, convidará também o vizinho mais próximo, de acordo com o número de pessoas. Deveis calcular o número de comensais, conforme o tamanho do cordeiro. O cordeiro será sem defeito, macho, de um ano. Podereis escolher tanto um cordeiro, como um cabrito: e deveis guardá-lo preso até o dia catorze deste mês. Então toda a Comunidade de Israel reunida o imolará ao cair da tarde.

Transparente e Transfigurado - Igreja Católica

Que o Senhor Deus nos capacite no entendimento da sua Palavra. É através dela que recorremos a Ele, principalmente nas horas de dificuldades.
Imaginemos a pureza do seu Reino, a perfeição da morada dos anjos. Com certeza é um lugar sem manchas e de muita paz, onde a vida é própria de louvor e adoração Àquele que é o autor de todas as coisas. O lado de lá é exclusivo dos santos, aqueles que passaram pelas tormentas terrenas de cabeça erguida, sem se deixar seduzir pelas eficácias propostas dos amores carnais.

É mais fácil ser santo do que delinquente - Papa Francisco

O Pontífice recordou os momentos na vida cristã em que invocamos a intercessão dos santos: durante o Batismo, o Matrimônio e a ordenação sacerdotal.
O Cristianismo cultiva uma incurável confiança: não acredita que as forças negativas e desagregadoras possam prevalecer. “A última palavra na história do homem não é o ódio, não é a morte, não é a guerra”, disse o Papa. Em cada momento da vida cristã, nos assiste a mão de Deus e também a discreta presença de todos os fiéis que nos precederam. Antes de tudo, a existência dos santos nos diz que a vida cristã não é um ideal inalcançável. E nos conforta: não estamos sós, a Igreja é feita de inúmeros irmãos, com frequência anônimos, que nos precederam e que, por ação do Espírito Santo, estão envolvidos nos acontecimentos de quem ainda vive aqui. Os esposos sabem que precisam da graça de Deus e da ajuda dos santos para dizer “para sempre”. “Não é como alguns dizem, 'até que o amor dure'. Para sempre ou nada. Do contrário, é melhor não …

Instrução sobre os ritos depois do batismo - Santo Ambrósio

Em seguida banhado nas águas do Batismo, subiste em direção ao sacerdote. Pensa no que se seguiu. Não foi aquilo que Davi cantou: Como o bálsamo na cabeça que desce pela barba, pela barba de Aarão? É o mesmo bálsamo de que fala Salomão: Bálsamo derramado é o teu nome, por isto as jovens te amaram e te atraíram. Quantas almas renovadas hoje te amam, Senhor Jesus, dizendo: Atrai-nos em teu seguimento, correremos ao odor de tuas vestes, para que respirem o odor da ressurreição.