Pular para o conteúdo principal

Evangelho Comentado do Dia 08/07/2017 13ª sábado do Tempo Comum

Primeira Leitura: Livro do Gênesis 27,1-5.15-29

Quando Isaac ficou velho, seus olhos enfraqueceram e já não podia ver. Chamou, então, o filho mais velho Esaú, e lhe disse: "Meu filho!" Este respondeu: "Aqui estou!" Disse-lhe o pai: "Como vês, já estou velho e não sei qual será o dia da minha morte. Toma as tuas armas, as flechas e o arco, e sai para o campo. Se apanhares alguma caça, prepara-me um assado saboroso, como sabes que eu gosto, e traze-o para que o coma, e assim te dar a bênção antes de morrer". Rebeca escutava o que Isaac dizia a seu filho Esaú. Esaú saiu para o campo à procura de caça para o pai. Rebeca tomou, então, as melhores roupas que o filho mais velho tinha em casa, e vestiu com elas o filho mais novo, Jacó. Cobriu-lhe as mãos e a parte lisa do pescoço com peles de cabrito. Pôs nas mãos do filho Jacó o assado e o pão que havia preparado. Este levou-os ao pai, dizendo: “Meu pai!” "Estou ouvindo", respondeu Isaac. "Quem és tu, meu filho?" E disse Jacó a seu pai: "Eu sou Esaú, teu filho primogênito; fiz como me ordenaste. Levanta-te, senta-te e come da minha caça, para me abençoares". 

Isaac replicou-lhe: "Como conseguiste achar assim depressa, meu filho?" Ele respondeu: "É o Senhor teu Deus que fez com que isso acontecesse". Isaac disse a Jacó: "Vem cá, meu filho, para que eu te apalpe e veja se és ou não meu filho Esaú". Jacó achegou-se a seu pai Isaac, que o apalpou e disse: "A voz é a voz de Jacó, mas as mãos são as mãos de Esaú". E não o reconheceu, pois suas mãos estavam peludas como as do seu filho Esaú. Então, decidiu abençoá-lo. Perguntou-lhe ainda: "Tu és, de fato, meu filho Esaú?" Ele respondeu: "Sou". Isaac continuou: "Meu filho, serve-me da tua caça para eu comer e te abençoar". Jacó serviu-o e ele comeu; trouxe-lhe depois vinho e ele bebeu. Disse-lhe então seu pai Isaac: "Aproxima-te, meu filho, e beija-me". Jacó aproximou-se e o beijou. Quando Isaac sentiu o cheiro das suas roupas, abençoou-o, dizendo: "Este é o cheiro do meu filho: é como o aroma de um campo fértil que o Senhor abençoou! Que Deus te conceda o orvalho do céu, e a fertilidade da terra, a abundância de trigo e de vinho. Que os povos te sirvam e se prostrem as nações em tua presença. Sê o senhor de teus irmãos, e diante de ti se inclinem os filhos de tua mãe. Maldito seja quem te amaldiçoar, e quem te abençoar, seja bendito!” - Palavra do Senhor.

Comentário: Na aventura pouco limpa de Jacó, que consegue extorquir do pai Isaac, a bênção da primogenitura, lemos toda a história da entrada de Deus nos acontecimentos humanos. Intrigas, usurpações, maquinações de cada um e do povo inteiro, que jura aliança para traí-la mil vezes. E na nova aliança? A obra de Cristo transforma o mundo; entretanto, o mal se introduz em sua própria Igreja. Hoje a Igreja aprendeu a não mais se justificar como no passado, a reconhecer com mais serenidade e franqueza os vícios que a mancharam através dos séculos, vícios que não adulteraram a santidade enquanto tal, porém são o sinal da fraqueza dos homens que dela constituem parte. O cristão não julga a Igreja, como uma realidade separada dele, mas julga-se a si mesmo na Igreja, julga sua resposta à vocação batismal a que o chamou a bondade do Senhor. (Missal Cotidiano)

Salmo: 134,1-2. 3-4. 5-6 (R. 3a)
Louvai o Senhor, porque é bom!

Louvai o Senhor, bendizei-o; louvai o Senhor, servos seus, que celebrais o louvor em seu templo e habitais junto aos átrios de Deus! Louvai o Senhor, porque é bom; cantai ao seu nome suave! Escolheu para si a Jacó, preferiu Israel por herança. Eu bem sei que o Senhor é tão grande, que é maior do que todos os deuses. Ele faz tudo quanto lhe agrada, nas alturas dos céus e na terra, no oceano e nos fundos abismos.

Evangelho de Jesus Cristo segundo São Mateus 9,14-17

Naquele tempo, os discípulos de João aproximaram-se de Jesus e perguntaram: "Por que razão nós e os fariseus praticamos jejuns, mas os teus discípulos não?" Disse-lhes Jesus: "Por acaso, os amigos do noivo podem estar de luto enquanto o noivo está com eles? Dias virão em que o noivo será tirado do meio deles. Então, sim, eles jejuarão. Ninguém põe remendo de pano novo em roupa velha, porque o remendo repuxa a roupa e o rasgão fica maior ainda. Também não se põe vinho novo em odres velhos, senão os odres se arrebentam, o vinho se derrama e os odres se perdem. Mas vinho novo se põe em odres novos, e assim os dois se conservam”. - Palavra da Salvação.

Comentário: O tempo da existência terrena de Jesus foi entendido como antecipação da alegria que seria experimentada quando o Reino de Deus se manifestasse em plenitude. Quando não mais houvesse lugar para lágrima ou tristeza e tudo fosse felicidade. Sendo assim, não tinha sentido seus discípulos se entregarem à penitência e ao jejum, como faziam certos grupos, enquanto tinham consigo Jesus. Não era hora de tristeza! Não fica bem alguém recusar-se a comer em plena festa de casamento, quando o noivo ainda está presente. Todavia, o jejum se justificaria quando os discípulos fossem privados da presença física de Jesus. O jejum, então, teria um sentido diferente do rigorismo ascético da piedade judaica. E deveria ser pensado a partir do projeto de Reino proclamado por Jesus. A prática penitencial não visaria tanto a busca da própria perfeição, num sentido individualista, nem seria uma forma velada de masoquismo. O jejum teria duplo significado. Ele seria uma forma de proclamar o absoluto de Deus e seu Reino na vida do discípulo, através da vitória sobre os instintos e as paixões desordenadas. Por outro lado, indicaria estar o discípulo em contínua preparação para o festim definitivo do Reino. Ninguém se alimenta fartamente antes de ir a uma festa. Pelo contrário, priva-se de alimentos na perspectiva do que encontrará. O jejum cristão prepara o discípulo para a festa que o Pai lhe preparou. (Padre Jaldemir Vitório/Jesuíta)

Fonte: CNBB - Missal Cotidiano (Paulus)

DEIXE SEU PEDIDO DE ORAÇÃO

Fique com Deus e sob a proteção da Sagrada Família
Ricardo Feitosa e Marta Lúcia
Crendo e ensinando o que crê e ensina a Santa Igreja Católica


Se desejar receber nossas atualizações de uma forma rápida e segura, por favor, faça sua assinatura, é grátis. Acesse nossa pagina: https://ocristaocatolico.blogspot.com.br/ e cadastre seu e-mail para recebimento automático, obrigado.

Comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...